notícias

Sudene e Banco do Nordeste discutem novos projetos

21/01/2021 -

Fonte: Sudene

Lideranças da autarquia visitaram ontem (20) a sede da instituição bancária em Fortaleza. Estiveram em pauta iniciativas nas áreas de turismo, indústria e inovação, além da avaliação dos fundos constitucionais.

Representantes de duas das principais instituições de promoção do desenvolvimento do Nordeste estiveram reunidos ontem em Fortaleza (CE). Lideranças da Sudene e do Banco do Nordeste (BNB) promoveram um encontro no qual foram discutidas novas iniciativas de fortalecimento do turismo e da indústria, além de ações voltadas a projetos de estímulo à pesquisa e desenvolvimento. Pela autarquia federal, participaram o superintendente Evaldo Cruz Neto, acompanhado pelo diretor de Planejamento e Articulação de Políticas, Raimundo Gomes de Matos, o chefe de gabinete, Carlos Pedro dos Santos Neto, e o coordenador substituto de Tecnologia e Inovação, Aildo Sabino.

“Estreitamos os laços entre Sudene e BNB, bem como discutimos sobre a participação do Banco em alguns projetos importantes para o crescimento da região Nordeste e iniciativas de incentivo à inovação”, comentou Evaldo Cruz Neto.

Uma das apostas da autarquia em relação ao tema é o INOVA + NE, um programa de governança do percentual de 1,5% relativo ao retorno das aplicações do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE). A ideia é que o programa seja executado para ao apoio de atividades em pesquisa, desenvolvimento e tecnologia de interesse do desenvolvimento regional. Algumas das propostas são a alavancagem de recursos por meio da subvenção econômica, fortalecimento do Sistema Regional de Inovação (SRI) e protagonismo das Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs). O programa será operacionalizado pelo Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e aplicado de acordo com regulamento a ser aprovado pelo Conselho Deliberativo da Sudene, conforme apresentado pelo colegiado em sua 27ª reunião por meio das Resoluções 140/2020 e 141/2020.

Os dirigentes da Sudene e do BNB também ressaltaram a importância da sinergia e estreitamento da parceria entre as equipes para promover o desenvolvimento regional sustentável. Para tanto, a inovação despontou como um dos focos de investimentos, considerando a utilização de recursos do Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Fundeci), apoio a startups e parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

O encontro também contou com a participação do superintendente de Políticas de Desenvolvimento, Henrique Tinoco, e o gerente de Ambiente Irenaldo Rubens. Na ocasião, foram repassados informes sobre processos de avaliação dos fundos constitucionais de financiamento (FNE e FDNE).

- PARCERIA

“Banco do Nordeste e Sudene são instituições mais que parceiras, já que trabalham pela mesma causa – o desenvolvimento do Nordeste. Essa proximidade é que torna possível alcançarmos, a cada ano, os objetivos traçados de inclusão produtiva da região”, afirmou o presidente do BNB, Romildo Rolim. Uma das ações mais expressivas da cooperação entre as instituições ocorreu ainda em 2020, quando, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Regional, foram viabilizados mais de R$ 3 bilhões na forma de crédito emergencial a juros baixos para o setor produtivo nordestino. Os recursos foram utilizados na forma de capital de giro ou investimentos para enfrentar os impactos econômicos causados pela pandemia da Covid-19.

confira outras notícias

contato

(81) 3426-4850

contato@guimaraesferreira.com.br

Av. Governador Agamenon Magalhães, 2615, sala 805
Espinheiro, Empresarial Burle Marx - Recife/PE